Blog – Full Width

by

Orientações Pedagógicas para Creche: o bom começo

O Ministério da Educação e o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social homologaram as Orientações Pedagógicas para Creche, em relação à educação desde o nascimento até aos 3 anos de idade, enquanto direito da criança e da família, em conformidade com os compromissos nacionais e internacionais.

As Orientações Pedagógicas para Creche OPC – visam apoiar a qualidade das práticas pedagógicas em creche (0-3 anos), em estreita articulação e coerência com as Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar (3-6 anos), baseando-se nos mesmos fundamentos e princípios da pedagogia para a infância (0-6 anos de idade).

O documento, e respetiva homologação, vai ao encontro de um dos Principais Desafios divulgados em Outubro de 2023, em sede de Propostas de Ação:

. A discussão e aprovação das orientações pedagógicas para creche em linha de continuidade com o pré-escolar.

Orientações Pedagógicas para Creche

by

Europeias24: a primeira infância no centro de uma Europa social

FIRST YEARS, FIRST PRIORITY MANIFESTO

Antes das eleições para o Parlamento Europeu de 2024, a First Years First Priority está a apelar a todos os partidos e candidatos para que apoiem uma Europa social forte que proteja e promova os direitos de todas as crianças desde a mais tenra idade.

O novo Parlamento Europeu e a nova Comissão Europeia, juntamente com os Estados-Membros da UE, devem intensificar os esforços para acabar com a pobreza infantil, a exclusão social e a discriminação, e assegurar a plena aplicação do Pilar Europeu dos Direitos Sociais, da Estratégia da UE sobre os Direitos da Criança, da Garantia Europeia para a Infância e das Metas de Barcelona para a Educação e o Acolhimento na primeira infância.

Os membros da campanha First Years  First Priority identificaram 6 prioridades para o próximo mandato do Parlamento Europeu e para o próximo programa de trabalho da Comissão Europeia.

  • Acabar com a pobreza infantil e a exclusão social
  • Aumentar o investimento público no desenvolvimento da primeira infância
  • Defender os direitos das crianças através da Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança
  • Acabar com a discriminação e a exclusão social na primeira infância
  • Prestar serviços de educação e acolhimento na primeira infância (ECEC) de qualidade a todas as crianças
  • Tomar medidas urgentes em matéria de alterações climáticas.

Os Primeiros Anos Importam: consulte o Manifesto da FirstYearsFirstPriority

by

Sabia que…. compreender melhor os primeiros anos de vida(9)

A iniciativa “Sabia que…?” é promovida pelo ProChild CoLAB,  que contou em outras edições com contributos de diversos parceiros da campanha, tendo os posts mais recentes sido divulgados nas redes sociais, em março de 2024.

A iniciativa tem a colaboração dos parceiros, em particular da  Fundação Nossa Senhora do Bom Sucesso da Campanha Primeiros Anos a Nossa Prioridade, que tem o objetivo de sensibilizar a sociedade para a importância do investimento nos primeiros anos de vida.

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to DearFlip WordPress Flipbook Plugin Help documentation.

Pode partilhar estas informações através das redes sociais

by

Os desafios da Equidade nos Primeiros Anos de Vida

Sob o título “A Pobreza e os Desafios da Equidade nos Primeiros Anos de Vida” foi a comunicação proferida, no âmbito do ICCA 2024 – 8ª Edição do Congresso Internacional da Criança e Adolescente,  pela Mafalda Lourenço da Fundação Nossa Senhora do Bom Sucesso, em sede da mesa redonda ‘Pobreza Infantil’ conduzida por Sérgio Araújo.

A equidade pode ser horizontal, referindo-se à situação em que pessoas com as mesmas necessidades têm igual acesso aos mesmos recursos e a equidade vertical que implica que pessoas com maiores necessidades têm acesso a recursos adequados que respondam a essas necessidades.

Partindo da observação da situação atual em Portugal, fundamenta as vantagens de um retorno social quando o investimento nos primeiros anos de vida, ‘porque hoje sabemos que começar cedo é o melhor’.

 Consulte a comunicação aqui.

O 8º Congresso do ICCA foi organizado pela secção de Pediatria Social da Sociedade Portuguesa de Pediatria. e decorreu em Peniche de 24 a 26 de janeiro de 2024. Entre outras personalidades internacionais, o Congresso contou com a comunicação da Jana Hainsworth da EuroChild sob o tema da desinstitucionalização das crianças e jovens. 

by

Sabia que…. compreender melhor os primeiros anos de vida(8)

A iniciativa “Sabia que…?” promovida pelo ProChild CoLAB,  que contou em outras edições com contributos de diversos parceiros da campanha, foram divulgados nas redes sociais de 20 a 24 de novembro de 2023.

A iniciativa tem a colaboração dos parceiros, em particular da  Fundação Nossa Senhora do Bom Sucesso da Campanha Primeiros Anos a Nossa Prioridade, que tem o objetivo de sensibilizar a sociedade para a importância do investimento nos primeiros anos de vida.

Please wait while flipbook is loading. For more related info, FAQs and issues please refer to DearFlip WordPress Flipbook Plugin Help documentation.

Pode partilhar estas informações através das redes sociais

by

Direitos das Crianças: vontade política ou não?

A propósito do dia 20 de novembro, Dia Mundial dos Direitos da Criança, a Eurochild publicou um novo relatório intitulado “Children’s Rights: Political will or won’t?Diretos das Crianças: vontade política ou não? – que compila informações recolhidas junto de 38 membros da Eurochild em 26 países da Europa e apresenta uma panorâmica da situação atual das crianças nesses países. O Relatório tem como objetivo identificar boas e promissoras práticas, soluções de trabalho e recomendações específicas por país para que os decisores na UE e governos nacionais se basearem quando abordam as necessidades das crianças.

Através de perfis estruturados de cada país, o Relatório centra-se na medida em que os direitos das crianças são respeitados, protegidos e cumpridos em toda a Europa, fornecendo informações oportunas e relevantes recolhidas junto dos nossos membros que trabalham a nível nacional. O documento também apresenta experiências de pobreza e exclusão social de crianças, famílias e comunidades. Para os Estados-Membros da UE, são abordados o Semestre Europeu e o alinhamento das necessidades das crianças com os planos de ação nacionais da Garantia Europeia para a Infância. 

Avalia também se os planos de ação nacionais da Garantia para a Infância estão alinhados com as necessidades dos países, em que medida o relatório e as recomendações por país do Semestre Europeu de 2023 estão alinhados com as experiências vividas pelas crianças do ponto de vista da sociedade civil.

A pesar das deficiências de informação em Portugal, surgem como pontos a ter em consideração:

  • a recomendação para o acesso universal a uma saúde de qualidade e em tempo.
  • a chamada de atenção especial à saúde das crianças institucionalizadas e a necessidade de evoluir mais rapidamente para um sistema de acolhimento assente em famílias.
  • a necessidade de subsidiar o setor social para fazer parte das respostas que contribuem para os pontos anteriores.
  • o alerta de que são necessárias campanhas preventivas da violência sobre as crianças, como por exemplo a First Years First Campaign – campanha Primeiros Anos a Nossa Prioridade.

O Relatório contou, entre outros, com a participação da Fundação Nossa Senhora do Bom Sucesso, no retrato de Portugal (páginas109-113).

    Etiam magna arcu, ullamcorper ut pulvinar et, ornare sit amet ligula. Aliquam vitae bibendum lorem. Cras id dui lectus. Pellentesque nec felis tristique urna lacinia sollicitudin ac ac ex. Maecenas mattis faucibus condimentum. Curabitur imperdiet felis at est posuere bibendum. Sed quis nulla tellus.

    ADDRESS

    63739 street lorem ipsum City, Country

    PHONE

    +12 (0) 345 678 9

    EMAIL

    info@company.com